Glória ao Invés de Cinzas - A restauração

                   GLÓRIA AO INVÉS DE CINZAS – A RESTAURAÇÃO

“E, chegando às nações para onde foram, profanaram o meu santo nome, pois se dizia deles: São estes o povo do Senhor, e saíram da sua terra. Eu, porém, poupei por amor ao meu santo nome que a nação de Israel profanou entre as nações para onde foi” (Ez 36:20-21)

     Falar sobre a restauração de Israel é algo extremamente importante para a igreja do Senhor. Infelizmente, ao longo do tempo, temos visto uma teologia, que chamamos de “teologia da substituição” tomar conta dos ensinos na igreja. Dizem eles que a Igreja é o “novo Israel”, e assim, colocam a nação de Israel como uma nação sem qualquer promessa no cumprimento do plano eterno do Senhor no seu Reino. Definitivamente não! Sabemos que Israel não é hoje a sombra daquilo que foi programado para ser, mas claramente, estamos vendo a restauração dessa nação diante dos nossos olhos nesta nossa geração.

     O tremendo é que o Senhor diz que é “por causa do Meu Santo Nome” e não por causa de Israel, ou por nós. Nunca foi sobre nós! É tudo sobre Ele. Israel carrega o nome de Deus no seu nome, e com suas atitudes, profanaram o Nome do Senhor em todos os lugares. Assim também, devemos entender, que somos o “povo que se chama pelo Seu Nome”, e, aprendemos que devemos honrar o Seu Nome através das nossas vidas. O fato de Israel não ter honrado o Seu Nome causou uma disciplina terrível que só não os extinguiu, por causa da vocação do Senhor e seus dons serem irrevogáveis. “Pois os dons e a vocação de Deus são irrevogáveis” (Rm 11:29). Ao mesmo tempo, esta restauração nos mostra a misericórdia sem fim e seu tremendo amor.

     Existe uma ligação forte entre a Igreja madura do Senhor e a nação de Israel. Assim como Rute se apegou a Noemi; assim também somos chamados a nos apegarmos e amarmos esta nação. E assim faremos, custe o que custar! Cremos que das cinzas do Holocausto, onde seis milhões de judeus foram mortos, assassinados, por somente carregarem o nome de Deus sobre si, brotará a glória da restauração de Israel. O Rei reinará sobre todas as nações da terra a partir de Jerusalém: “O meu servo Davi reinará sobre eles, e todos eles serão um pastor. Andarão nos meus juízos e guardarão os meus estatutos, e os observarão. Habitarão na terra que dei a meu servo Jacó, na qual habitaram vossos pais. Habitarão nela, eles e seus filhos, e os filhos dos seus filhos, para sempre, e Davi, meu servo, será seu líder, eternamente” (Ez 37:24-25). Nós estamos vivendo esse tempo, que privilégio! A restauração física de Israel a partir das cinzas do Holocausto. Uma nação poderosa na terra, que ainda não conhece o Messias, o nosso Jesus Cristo. Entendemos, porém que assim como os ossos se juntaram, assim também, sobre este Exército, o Espírito do Senhor, se apoderará, os lavando à Verdade!

     Como tabernáculo de Deus, faremos parte do Reino: “O meu tabernáculo estará com eles, e eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo” (Ez 37:27). É a Esposa, e Israel juntos para sempre com o Senhor. Glória ao Invés de Cinzas, é entender que o Senhor, somente Ele, pode e vai restaurar todas as coisas no seu devido tempo. E o tempo é agora. Estejamos atentos ao conselho de Noemi para Rute: “Rute, esta noite, Ele limpará a cevada na eira” (Rt 3:2). Amados, o tempo é agora! Estejamos preparados. A Glória vem!

Pr Marcos Reis